pdf

Publicado pela primeira vez em 1925 pela Éditions de la Revue Mondiale, Manifestos é um importante documento das vanguardas do século XX. Em seus textos, Huidobro tece diálogos com o manifesto surrealista de André Breton, publicado em 1924, e também com as ideias futuristas de F. T. Marinetti, lançadas em seu manifesto de 1909. Em seus textos, além de analisar outras correntes estéticas da sua época, o autor desenvolve as bases teóricas do criacionismo, sintetizadas anteriormente em seu famoso poema “Arte poética”, de 1916. Esta edição conta ainda com um posfácio da professora Sara Rojo (UFMG/CNPq), com um trabalho de recuperação das referências citadas pelo autor e anotações que consideramos relevantes para a contextualização das suas ideias.

Tradução de Danilo Mataveli
Posfácio de Sara Rojo
ISBN 978-65-992169-2-3
2021 1a Edição